No Brasil, 6.5 milhões de pessoas foram ao cinema conferir Coringa, filme dirigido por Todd Phillips e estrelado pelo indicado ao Oscar Joaquin Phoenix. O longa chegou à marca dos R$ 105 milhões arrecadados nas bilheterias brasileiras e se tornou o maior lançamento no mês de outubro de todos os tempos no Brasil, assim como a maior bilheteria da Warner em 2019.

Coringa, que ainda conta com o vencedor do Oscar Robert De Niro, Zazie Beetz, Frances Conroy e Brett Cullen no elenco, continua em cartaz nos cinemas brasileiros.

Sobre o filme

Coringa, do diretor Todd Phillips, é uma história original e fictícia sobre o icônico vilão nunca antes vista no cinema. A versão de Phillips sobre Arthur Fleck, interpretado de maneira memorável por Joaquin Phoenix, mostra um homem lutando para se integrar à sociedade despedaçada de Gotham. Trabalhando como palhaço durante o dia, ele tenta a sorte como comediante de stand-up à noite…, mas descobre que a piada é sempre ele mesmo. Preso em uma existência cíclica, oscilando entre a realidade e a loucura, Arthur toma uma decisão equivocada que causa uma reação em cadeia, com consequências cada vez mais graves e letais, nesta exploração ousada do personagem.

Phoenix, três vezes indicado ao Oscar (“O Mestre”, “Johnny & June”, “Gladiador”), estrela no papel-título, ao lado do vencedor do Oscar Robert De Niro (“Touro Indomável”, “O Poderoso Chefão 2”). O filme também é estrelado por Zazie Beetz (“Deadpool 2”), Frances Conroy (da série de TV “American Horror Story”, da série da Hulu “Castle Rock”), Brett Cullen (“42 – A História De Uma Lenda”, da série da Netflix “Narcos”), Glenn Fleshler (das séries de TV “Billions” e “Barry”), Bill Camp (“Operação Red Sparrow”, “A Grande Jogada”), Shea Whigham (“O Primeiro Homem”, “Kong: A Ilha da Caveira”), Marc Maron (das séries de TV “Maron” e “GLOW”), Douglas Hodge (“Operação Red Sparrow”, da série de TV “Penny Dreadful”), Josh Pais (do inédito “Brooklyn Sem Pai Nem Mãe”, “Despedida em Grande Estilo”) e Leigh Gill (da série da HBO “Game of Thrones”).

O indicado ao Oscar Phillips (“Borat – O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja à América”, trilogia “Se Beber, Não Case!”) dirige o filme a partir de um roteiro que ele coescreveu com o roteirista indicado ao Oscar Scott Silver (“O Vencedor”), com base nos personagens da DC. O filme foi produzido por Phillips e o indicado ao Oscar Bradley Cooper (“Nasce uma Estrela”, “Sniper Americano”), através da produtora Joint Effort; e a indicada ao Oscar Emma Tillinger Koskoff (“O Lobo de Wall Street”).

Os produtores executivos foram Michael E. Uslan, Walter Hamada, Aaron L. Gilbert, Joseph Garner, Richard Baratta e Bruce Berman.

Nos bastidores, Phillips contou com o diretor de fotografia Lawrence Sher (“Godzilla II: Rei dos Monstros”, trilogia “Se Beber, Não Case!”), o design de produção Mark Friedberg (“Se a Rua Beale Falasse”, “Selma – Uma Luta pela Igualdade”), o editor Jeff Groth (“Cães De Guerra”, “Se Beber, Não Case! Parte III”) e o figurinista vencedor do Oscar Mark Bridges (“Trama Fantasma”, “O Artista”). A música foi composta por Hildur Guðnadóttir (da série da HBO “Chernobyl”, “Sicario: Dia do Soldado”).

A Warner Bros. Pictures apresenta, em associação com a Village Roadshow Pictures e a BRON Creative,Coringa, uma produção da Joint Effort, um filme de Todd Phillips.