Jim Parsons revelou, em entrevista ao David Tennant Does a Podcast With…, o que o levou a deixar a série após 12 anos vivendo Sheldon Cooper. Parsons, ganhou quatro estatuetas do Emmy por The Big Bang Theory. A decisão foi tomada junto ao seu marido, a morte do seu cachorro, semanas antes do início das gravações da última temporada o abalou.

Eu estava exausto e muito chateado porque um de nossos cachorros estava chegando ao fim de sua vida”, revelou o ator ao ex-protagonista de Doctor Who. “Senti como se estivesse à beira de um precipício e estava balançando”. Parsons ainda havia quebrado o pé ao escorregar no palco de uma peça na qual trabalhava na época. “Eu não sabia o que [os produtores] fariam se eu não pudesse retornar ao espetáculo”.

Outro fator para a decisão de abandonar o papel foi comparar sua idade atual – 46 anos – à do pai quando morreu – 52 anos. “Eu fiquei ‘eu preciso me mexer’ e foi isso que disse [ao criador de The Big Bang Theory] Chuck Lore e [ao produtor] Steve Molaro quando conversamos no dia em que voltei ao trabalho. Eu disse ‘se alguém me contasse que, como meu pai, eu tinha apenas seis anos de vida, acho que existem outras coisas que preciso fazer’.

Exibida de 2007 a 2019, a série foi um dos maiores sucessos da televisão americana contando a história dos nerds Sheldon (Jim Parsons), Leonard (Johnny Galecki), Raj (Kunal Nayyar) Howard (Simon Helberg) e Penny (Kaley Cuoco).