Após Ruby Rose anunciar que não voltaria para a segunda temporada de Batwoman, a série havia ficado sem protagonista. A Warner Bros Television, a CW e a Berlanti Productions divulgaram que Javicia Leslie foi a escolhida para substituir Ruby Rose.

Leslie, não interpretará Kate Kane, como Rose, e sim uma nova personagem chamada Ryan Wilder, que assumirá a identidade da justiceira na segunda temporada, com estreia prevista para janeiro de 2021. Longe dos esteriótipos de heróis, Ryan é descrita como “simpática, bagunceira, um pouco pateta e indomada. Sem ninguém para mantê-la na linha, Ryan passou anos traficando drogas e se escondendo da polícia de Gotham, mascarando sua dor com hábitos ruins.” Agora sóbria e longe do tráfico, ela é uma lutadora talentosa, mas indisciplinada, além de assumidamente lésbica, atlética, que mora em uma van e rouba leite para alimentar um gato de rua.

A exigência, anteriormente, é de que Ruby Rose fosse substituída por outra atriz LGBTQ+ e, além de bissexual, Leslie tornou-se a primeira atriz negra a interpretar a Batwoman em um live-action. Ryan Wilder, por sua vez, é a primeira personagem negra a vestir o traje de morcego.

“Estou extremamente orgulhosa de ser a primeira atriz negra a interpretar o icônico papel da Batwoman na televisão”, disse a atriz. “Como uma mulher bissexual, estou honrada de me juntar a um programa inovador, que tem sido tão pioneiro para a comunidade LGBT+.” Batwoman foi a primeira série de super heróis a ter como protagonista um personagem LGBT+ e seus produtores se comprometeram a, assim como protagonista um personagem LGBT+ e seus produtores se comprometeram a, assim como foi com Ruby Rose, ter outra atriz LGBT+ escalada para o papel.